Banca de QUALIFICAÇÃO: ALEXANDRE LAGE ALVARENGA JUNIOR

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : ALEXANDRE LAGE ALVARENGA JUNIOR
DATA : 10/06/2019
HORA: 16:00
LOCAL: Sala de Reunião do POSLING
TÍTULO:

URBAN SKETCHERS: um panorama sobre as publicações de participantes do movimento impressas no Brasil


PALAVRAS-CHAVES:

Urban Sketchers; Urban Sketching; Edição; Livro


PÁGINAS: 24
RESUMO:

O movimento Urban Sketchers, destinado a artistas, arquitetos, designers e aficionados pelo desenho urbano, é um movimento internacional criado em 2007 pelo ilustrador Gabriel Campanario, que tem como objetivo estimular, divulgar e conectar pessoas interessadas no desenho urbano, realizado através da observação direta, no local, sem auxílio de fotografia. Estimuladas pelo manifesto proposto pelo grupo, pessoas se encontram para desenhar a cidade, fazendo um registro do tempo e do lugar, posteriormente compartilhando suas criações de forma online. Apesar disso, um dos pilares de divulgação e propagação do movimento e das práticas do grupo tem sido o livro. Esta dissertação tem como proposta a criação de uma história editorial dessas publicações, com recorte específico para o mercado Brasileiro. Quais são as publicações impressas de Urban Sketchers lançadas no Brasil desde a criação do grupo em 2007? Quem são os agentes responsáveis pela publicação dessas obras? Como foi o processo editorial delas? Qual é o perfil do público consumidor dessas obras? Essas são algumas questões que pretendem ser respondidas durante a criação do trabalho. Para tal, o trabalho utilizará para construir a história do movimento os pesquisadores: Karina Kuschnir (2011; 2012; 2016), Aina Azevedo (2017) e Paulo Tôrres (2016; 2017a; 2017b); Para localizar o grupo enquanto um campo de produção do conhecimento: Bourdieu (1996; 2015; 2018); Para verificar os agentes dessas publicações e o livro enquanto objeto: John B. Thompson (2013), Roger Chartier (2014a; 2014b), Robert Darnton (2010), Michael Foucault (2009) e Ana Elisa Ribeiro (2016; 2018). Por último, para entender as práticas das casas editoriais responsáveis por essas publicações, será necessário entender os mecanismos utilizados pelas iniciativas independentes através de: José Muniz Jr. (2016; 2018), André Schiffrin (2000), Jason Epstein (2002), Pablo Araújo (2013) e Gisela Creni (2013).


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - ANA ELISA FERREIRA RIBEIRO
Interna - PAULA RENATA MELO MOREIRA
Externa à Instituição - RENATA DE ALENCAR TEIXEIRA - PUCMinas
Notícia cadastrada em: 03/06/2019 09:46
SIGAA | Secretaria de Governança da Informação - (31) 3319-7000 | Copyright © 2006-2020 - UFRN - vm-sig-app-10.ditic.sgi.cefetmg.br.inst10