POSLING NS

Banca de DEFESA: PAULA ROBERTA DA SILVA SOUZA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : PAULA ROBERTA DA SILVA SOUZA
DATA : 04/09/2020
HORA: 14:00
LOCAL: CEFET-MG (remotamente)
TÍTULO:

O Discurso Político na Comissão da Verdade: Uma análise discursiva dos pronunciamentos de Dilma Rousseff


PALAVRAS-CHAVES:

Análise de discurso, Dilma Rousseff, Comissão da Verdade


PÁGINAS: 136
RESUMO:

A presente dissertação tem como objetivo investigar, sob a luz da Análise Crítica de Discurso (ACD), de que forma foram dispostos elementos para a construção de sentido nas elocuções da ex-presidenta Dilma Rousseff nas cerimônias de instalação da Comissão Nacional da Verdade e entrega do Relatório Final. Recorre-se aos conceitos de discurso político de Patrick Charaudeau, de hegemonia de Gramsi e ideologia de Althusser para constituição do arcabouço teórico para a análise. Além desses referenciais, a pesquisa emprega o Modelo Tridimensional da ACD, bem como conceitos de Ordens do Discurso de Michel Foucault para o entendimento das relações de poder e das relações entre o sujeito e a estrutura do Estado expressas na conciliação de interesses na constituição da Comissão e das elocuções. A escolha pelo corpus se deu por se tratar de elocuções marcantes na história brasileira, ocorridas em eventos que marcaram a instituição de uma Comissão capaz de investigar violações de Direitos Humanos durante a ditadura militar no Brasil, uma das iniciativas para recuperação da memória dos anos de chumbo no Brasil e fazer justiça aos mortos e desaparecidos no período. A investigação buscou reconstruir a trajetória de vida de Dilma Rousseff, o histórico de ações em prol da rememoração das vítimas após a redemocratização, além de realizar uma breve contextualização sobre o conteúdo dos relatórios e situação política do governo de Dilma Rousseff, bem como um panorama sobre o trabalho exercido pela CNV. Como resultado, dispõe-se que as falas analisadas apontam forte tendência à valorização de instituições democráticas, projetam que o Governo Federal deve se responsabilizar e agir de forma a inibir novos abusos e tenta incutir valores de que toda a população brasileira deve ser responsável por promover e fortalecer a democracia.


MEMBROS DA BANCA:
Interna - CARLA BARBOSA MOREIRA
Presidente - CLAUDIO HUMBERTO LESSA
Externa à Instituição - Georgiana Luna Batinga - UFMS
Interno - RENATO CAIXETA DA SILVA
Notícia cadastrada em: 28/08/2020 14:38
SIGAA | Secretaria de Governança da Informação - (31) 3319-7000 | Copyright © 2006-2020 - UFRN - vm-sig-app-06.ditic.sgi.cefetmg.br.inst6