Banca de DEFESA: Carla Geralda Leite Moreira

Uma banca de DEFESA de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : Carla Geralda Leite Moreira
DATA : 09/12/2020
HORA: 16:00
LOCAL: CEFET-MG (remotamente)
TÍTULO:

PRODUÇÃO COLABORATIVA DE TEXTOS COM MEDIAÇÃO DIGITAL: UM ESTUDO NO ENSINO MÉDIO À LUZ DA NOÇÃO DE MULTILETRAMENTOS


PALAVRAS-CHAVES:

TDICs. Escrita colaborativa. Multiletramentos.


PÁGINAS: 108
RESUMO:

A educação mediada pelas Tecnologias Digitais de Informação e Comunicação (TDICs) pode ocasionar muitas dúvidas na sociedade contemporânea. De modo geral, algumas instituições escolares não dispõem de um plano pedagógico que intencione o uso efetivo das TDICs nas disciplinas escolares. É sabido que o emprego de tecnologias digitais ematividades que não contenham um propósito real pode não atender às expectativas do docente e do discente. Por isso, é muito importante que o professor, antes de propor alguma tarefa intermediada pelas TDICs, considere o contexto da escola e,principalmente,o perfil dos alunos. Dessa forma, esta tese apresenta uma investigação sobre aprática da escrita colaborativa, por meio do ambiente digital Google Docs. A hipótese que orientou este estudo parte da ideia de que o convívio dos alunos com outros indivíduos, associado às diversas práticas de leitura e escrita, pode contribuir de maneira positiva para a construção de um texto, bem comopropiciar o desenvolvimento de alguns (novos) multiletramentos dos estudantes. Quanto à metodologia, utilizou-se como forma principal para a coleta de dados a técnica de grupo focal e, de maneira secundária, o questionário. Logo após, com o intuito de observar o processo de escrita colaborativa dos alunos, seguiu-se uma linha de análise que privilegiou o tipo de processo colaborativo, tendo em vista a taxonomia proposta por Posner e Baecker (1992), os recursos colaborativos utilizados pelos alunos, as funcionalidades do Google Docs e os tipos de operação de edição, conforme abordagem de Fiad (1991). A partir das análises, percebeu-se que o exercício de produções textuais colaborativas realizadas por meiode um ambiente digital pode oportunizar as interações entre os próprios alunos da equipe, entre eles e as ferramentas digitais e, ainda, entre seus textos e discursos. Sendo assim, acredita-se que as tarefas colaborativas (quando contextualizadas) podem ser capazes de aperfeiçoar os (multi)letramentos dos discentes, o que abre espaço para uma reflexão acerca da multiplicidade urbana, cultural e semiótica de constituição de textos.


MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - VÂNIA SOARES BARBOSA - UFPI
Presidente - ANA ELISA FERREIRA RIBEIRO
Externa à Instituição - CARLA VIANA COSCARELLI - UFMG
Interno - LUIZ ANTONIO RIBEIRO
Interno - RENATO CAIXETA DA SILVA
Notícia cadastrada em: 25/11/2020 14:11
SIGAA | Diretoria de Tecnologia da Informação - DTI - (31) 3319-7000 | Copyright © 2006-2021 - UFRN - vm-sig-app-10.ditic.sgi.cefetmg.br.inst10