Banca de QUALIFICAÇÃO: Hellen Cordeiro Alves Marquezini

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : Hellen Cordeiro Alves Marquezini
DATA : 29/06/2020
HORA: 14:30
LOCAL: online, por meio de videoconferência
TÍTULO:

Sou Negro (Sou?), Sou Quilombola (Sou!): histórias e modos de organizar de uma comunidade quilombola mineira


PALAVRAS-CHAVES:

História de vida coletiva; Psicossociologia; Quilombo; Raça; Processos Decisórios


PÁGINAS: 55
RESUMO:

O presente trabalho aborda o tema da raça no contexto da comunidade quilombola. Foi definido como objeto da pesquisa o estudo do processo de construção da identidade racial negra em uma comunidade remanescente quilombola. O quilombo pode ser compreendido como uma organização, similar às cooperativas, no qual os indivíduos livremente se organizam com um objetivo comum de produção da vida em comunidade. O quilombo, enquanto arranjo organizacional, estabelece processos de tomada de decisões no seu funcionamento cotidiano. Cabe ainda destacar que a própria constituição do quilombo contemporâneo se revela uma escolha da comunidade, fruto de um processo decisório. Foi tomado como referencial teórico a escola de Psicossociologia Francesa, a qual compreende os grupos e instituições como espaços privilegiados para a investigação dos processos de afiliação e desfiliação social, e os vínculos como parte da identidade-em-contexto do sujeito, respeitando a singularidade e a capacidade de se tomar decisões no contexto do quilombo. Também é realizado o resgate teórico da construção da racialização no Brasil, do processo de apagamento da negritude e a organização social dos quilombos, dos originários ao movimento quilombola contemporâneo. Para atingimento dos objetos propostos nesta pesquisa, será utilizada a abordagem teóricometodológica história de vida em uma comunidade remanescente quilombola da região
metropolitana de Belo Horizonte/MG. Os instrumentos utilizados no trabalho de campo serão a coleta da história de vida coletiva da comunidade. Serão solicitados aos participantes que apresentem documentos que possam ajudar na construção dessa história (fotografias, cartas, documentos pessoais, atas de reuniões). As entrevistas serão gravadas e seu conteúdo transcrito. Para a interpretação dos dados coletados, serão utilizadas ferramentas da própria metodologia de história de vida.




MEMBROS DA BANCA:
Presidente - LUDMILA DE VASCONCELOS MACHADO GUIMARAES
Externa ao Programa - RAQUEL DE OLIVEIRA BARRETO
Externa à Instituição - JOSIANE SILVA DE OLIVEIRA - UFG
Externa à Instituição - TERESA CRISTINA OTHENIO CORDEIRO CARRETEIRO - UFF
Notícia cadastrada em: 22/06/2020 11:02
SIGAA | Diretoria de Tecnologia da Informação - DTI - (31) 3319-7000 | Copyright © 2006-2021 - UFRN - vm-sig-app-10.ditic.sgi.cefetmg.br.inst10