PPGMQ GM

Banca de DEFESA: ISABELLE KARINE VIEIRA GONÇALVES

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : ISABELLE KARINE VIEIRA GONÇALVES
DATA : 20/03/2020
HORA: 10:00
LOCAL: campus VI
TÍTULO:

Síntese, caracterização estrutural e físico-química de monômeros e polímeros de coordenação de cobre contendo isoftalato e ligantes do tipo N,N-doadores.


PALAVRAS-CHAVES:

2,2’-bipiridina, 1,10-fenantrolina, isoftalato, cobre(II), polímeros de coordenação.


PÁGINAS: 70
RESUMO:

O estudo e o preparo de novos complexos metálicos de cobre tem grande relevância científica, visto que os compostos contendo esse metal apresentam uma vasta área de aplicação podendo apresentar propriedades magnéticas, potencial farmacológico, ação catalítica, entre outros atributos de interesse tecnológico. Os compostos de cobre apresentam grande versatilidade estrutural podendo formar complexos mono e multinucleares com diferentes geometrias e propriedades. A reação química entre cobre(II) e os ligantes isoftalato (ipa) e  1,10-fenantrolina (phen), por duas rotas sintéticas distintas, levou a formação de dois compostos inéditos. Um composto consistiu em um polímero de coordenação, {[Cu(ipa)(phen)(H2O)]‧DMF}n,  no qual o ligante ipa atua como ponte entre íons de cobre adjacentes ligando-se aos centro metálicos de forma mono e bidentada pelos grupos carboxilatos. O outro composto consistiu em dois monômeros cocristalizados, [Cu(Hipa)(phen)(H2O)2]ClO4·[Cu(ipa)(phen)(H2O)2]‧2H2O, no qual em um monômero o ligante ipa encontra-se monoprotonado necessitando do perclorato como contra-íon e no outro complexo ele encontra-se totalmente desprotonado, gerando um complexo neutro. Por outro lado, substituindo-se a phen por 2,2’-bipiridina (bpy) e seguindo as mesmas rotas sintéticas adotadas para a phen, ocorreu a formação do polímero de coordenação não-inédito, {[Cu(ipa)(bpy)]‧2H2O}n, como produto principal, independentemente do procedimento adotado. Curiosamente, como subproduto da reação hidrotermal para obtenção do polímero {[Cu(ipa)(bpy)]‧2H2O}n, foi obtido um cluster tetranuclear de cobre(I), [Cu42-Cl)4(bpy)2], que embora não-inédito, foi obtido em menor tempo reacional que os procedimentos relatados na literatura, mas também com menor rendimento. No presente trabalho obteve-se ainda o complexo (Hampy)2[CuCl4], não-inédito, onde ampy= 2-aminopiridina. Esse composto foi obtido por uma rota sintética distinta da relatada na literatura. Todos os complexos obtidos nesse trabalho foram caracterizados físico-química e estruturalmente por análise elementar, absorção atômica, espectroscopia vibracional e difração de raios X por monocristal.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - PRISCILA PEREIRA SILVA CALDEIRA
Interna - RAQUEL VIEIRA MAMBRINI
Externa ao Programa - IVINA PAULA DE SOUZA
Externa à Instituição - RENATA DINIZ - UFMG
Notícia cadastrada em: 16/02/2020 21:19
SIGAA | Secretaria de Governança da Informação - (31) 3319-7000 | Copyright © 2006-2020 - UFRN - vm-sig-app-09.ditic.sgi.cefetmg.br.inst9