Banca de QUALIFICAÇÃO: MARCELINA LÚCIA DA SILVA LIBERATO

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : MARCELINA LÚCIA DA SILVA LIBERATO
DATA : 21/05/2024
HORA: 14:00
LOCAL: https://conferenciaweb.rnp.br/webconf/
TÍTULO:

RECONHECIMENTO E VALORIZAÇÃO DOS SABERES DE TRABALHADORES EM ESPAÇOS NÃO FORMAIS DE EDUCAÇÃO: UM ESTUDO DE CAMPO EM DIVINÓPOLIS/MG 


PALAVRAS-CHAVES:

 Educação Profissional e Tecnológica; Reconhecimento de Saberes; Educação Crítica; Escolaridade e Escolarização.


PÁGINAS: 26
RESUMO:

As narrativas de pessoas que adquiriram habilidades em ambientes educacionais não formais despertam meu senso crítico. Como jornalista formada e envolvida em diversos projetos sociais, observo de perto a persistência das pessoas em situação de vulnerabilidade social, conforme definido por estudos de Ximenes (2010), que compreendem trabalhadores de diversas áreas atuantes no mercado de trabalho, mas com baixa renda. Os espaços educacionais informais são caracterizados pela diversidade de conhecimentos sociais, culturais, políticos e profissionais, proporcionando debates, desafios e soluções por meio das interações sociais. Eles também oferecem experiências sobre temas frequentemente abordados em contextos formais de ensino. Com base nessas narrativas e vivências diversas, optei por realizar uma pesquisa que possa nos ajudar a entender e avaliar, a partir das perspectivas dos trabalhadores que serão pesquisados, como se dá e qual a importância do reconhecimento e a valorização dos saberes de trabalhadores em espaços não formais de educação em Divinópolis/mg e ainda buscar de soluções, em forma de produto, que permita amenizar o problema e auxiliar àqueles que tiverem interesse. Para alcançar esse objetivo, serão realizadas revisões teóricas sobre os processos de educação,investigando as possíveis diferenças entre educação formal e não formal, entrevistas com profissionais indicados por gerentes e pelo Departamento de Recursos Humanos das empresas pesquisadas, e análise dos dados coletados, com base em estudos de caso. A metodologia adotada será qualitativa, com objetivos descritivos e exploratórios, envolvendo um estudo de campo aplicado. A pesquisa visa construir um Produto Educacional que demonstre a correlação entre a prática em contexto real nos espaços não formais de educação. A importância desse estudo reside na  necessidade de expandir as pesquisas sobre os espaços educacionais não formais, promovendo um ensino crítico e libertador, especialmente na área da Educação Profissional e Tecnológica. 


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - MARIA ADELIA DA COSTA
Externa ao Programa - MARIA DE LOURDES COUTO NOGUEIRA
Externo à Instituição - PABLO MENEZES E OLIVEIRA - IFMG
Notícia cadastrada em: 08/05/2024 07:35
SIGAA | Diretoria de Tecnologia da Informação - DTI - (31) 3319-7000 | Copyright © 2006-2024 - UFRN - vm-sig-app-08.ditic.sgi.cefetmg.br.inst8