Banca de QUALIFICAÇÃO: CAMILA LOBATO RAJÃO

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : CAMILA LOBATO RAJÃO
DATA : 03/04/2019
HORA: 14:00
LOCAL: Sala de Reunião do POSLING
TÍTULO:

A História é uma ficção controlada

Memórias e silêncios na nação moçambicana


PALAVRAS-CHAVES:

Literatura Moçambicana; FRELIMO; Ngungunhane


PÁGINAS: 20
RESUMO:

Este trabalho de pesquisa abordará os discursos de construção de identidade nacional moçambicana, feitos pela FRELIMO (a Frente de Libertação de Moçambique) nas décadas de 1970 e 1980, bem como a formação de vozes dissonantes em relação a esses discursos, como a obra Ualalapi, do escritor Ungulani Ba Ka Khosa. Após a guerra pela independência, a FRELIMO coloca a si mesma a tarefa de fundar as bases nacionais do país recém liberto. Para tal, a frente resgata a figura do chefe nguni que havia reinado sobre parte considerável do que viria a ser Moçambique: Ngungunhane. Assim como o soberano nguni havia resistido à tentativa de dominação portuguesa, sua memória seria exemplo para a resistência do povo moçambicano às denominadas ameaças externas. Por sua vez, Khosa, traz à tona uma memória de Ngungunhane que é também de dominação de outros povos que compõem a nação moçambicana.


MEMBROS DA BANCA:
Interno - LUIZ CARLOS GONCALVES LOPES
Externo à Instituição - LUIZ DUARTE HAELE ARNAUT - UFMG
Presidente - LUIZ HENRIQUE SILVA DE OLIVEIRA
Notícia cadastrada em: 28/03/2019 09:33
SIGAA | Secretaria de Governança da Informação - (31) 3319-7000 | Copyright © 2006-2020 - UFRN - vm-sig-app-06.ditic.sgi.cefetmg.br.inst6