POSLING NS

Banca de DEFESA: OARA SALDANHA GONÇALVES

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : OARA SALDANHA GONÇALVES
DATA : 24/05/2019
HORA: 17:00
LOCAL: Sala 330 do Campus I
TÍTULO:

 

Espaços para contar: narradores e performances na cidade de Belo Horizonte



PALAVRAS-CHAVES:

 

CONTAÇÃO DE HISTÓRIAS, PERFORMANCE, FORMAÇÃO DE LEITOR


PÁGINAS: 97
RESUMO:

 

A contação de histórias é uma prática milenar e, desde o século XX, no Brasil, vem sendo utilizada também como estratégia de formação de leitores. Esta pesquisa apresenta uma investigação da performance de quatro contadores de histórias que atuam em espaços públicos da cidade de Belo Horizonte. Partimos do seguinte problema de pesquisa: como a contação de histórias, prática caracterizada pela oralidade, relaciona-se com nossa contemporaneidade, caracterizada pela cultura letrada e pela forte presença da visualidade? Investigamos a hipótese de que a contação de histórias, na contemporaneidade, em centros urbanos, mesmo em espaços não escolares, está relacionada com a formação de leitores, ou seja, a oralidade, em nossa sociedade atual, vem sendo utilizada para o desenvolvimento de práticas letradas. Como objetivos específicos, identificamos os espaços da cidade em que são realizadas, com regularidade, sessões de contação de histórias, como: bibliotecas, praças, centros culturais, livrarias, feiras de livro; caracterizamos e analisamos os tipos de contação de histórias e seus objetivos. Para a investigação proposta, foi realizada uma entrevista semiestruturada com os contadores de histórias e filmadas duas sessões de cada contador. Como fundamentação teórica, foram utilizados a concepção de narrador, de Walter Benjamin, os conceitos de oralidade e performance, de Paul Zumthor, e os estudos sobre o contador de histórias contemporâneo de Celso Sisto. Constatamos que os objetivos dos contadores são diferentes e não possuem o propósito específico de formar leitores. Dentre os quatro contadores pesquisados, na cidade de Belo Horizonte, apenas um deles possui como objetivo específico divulgar obras literárias e incentivar à leitura.


MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - GUILHERME TRIELLI RIBEIRO - UFMG
Interno - LUIZ CARLOS GONCALVES LOPES
Presidente - MARTA PASSOS PINHEIRO

Notícia cadastrada em: 17/05/2019 09:01
SIGAA | Secretaria de Governança da Informação - (31) 3319-7000 | Copyright © 2006-2020 - UFRN - vm-sig-app-08.ditic.sgi.cefetmg.br.inst8